13 de abr de 2010

Projeto "Parabólica" da Fundação Palmares chega a Macapá

A Fundação Cultural Palmares, vinculada ao Ministério da Cultura, promove nos dias 15 e 16 de abril em Macapá (AP) o Projeto Parabólica. O evento visa orientar agentes sociais interessados no desenvolvimento de políticas públicas e projetos que promovam e disseminem a cultura afro-brasileira. Os interessados em participar podem fazer as inscrições gratuitamente no site da Palmares.
O evento – que no Amapá acontece em parceria com o governo do Estado e com a prefeitura de Macapá – já percorreu oito estados brasileiros e reuniu mais de 400 pessoas. Esses estados foram selecionados a partir de uma pesquisa quantitativa de projetos recebidos pela Fundação nos últimos dois anos com o mapeamento dos locais que mais apresentaram projetos ou buscaram informações junto à Fundação Palmares, incluindo os candidatos a editais e seleções públicas.
O mapeamento também apontou as principais falhas cometidas na elaboração de projetos. Por isso, o Parabólica visitará dez estados com parte de sua equipe técnica para apresentar as ações de cada área para 2010 e ainda orientar sobre os procedimentos administrativos e ferramentas como o Sistema de Gestão de Convênios e Contratos de Repasse - SICONV, desenvolvido pelo Ministério do Planejamento para o cadastro de projetos e possíveis repasses de recursos.
O Parabólica já passou por Alagoas, Goiás, Distrito Federal, Minas Gerais, São Paulo, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e Pernambuco e encerra suas atividades no próximo dia 20 na Bahia.A FundaçãoA Palmares fará em agosto de 2010, 22 anos de existência e o Ministério da Cultura, também em 2010, 25 anos. Fruto da demanda do movimento negro o objetivo da Fundação é promover a preservação, a proteção e a disseminação da cultura negra visando à inclusão e ao desenvolvimento dessa população no Brasil.
A Fundação Cultural Palmares atualmente tem representações no Rio de Janeiro, Bahia e Alagoas. Esta última, inaugurada dia 26 de março como determina o Decreto nº 6.853, de maio de 2009, que autoriza também a criação de representações em São Paulo, Minas Gerais, Maranhão e Rio Grande do Sul.
Horário: 15 abril a 16 abril 2010
Local: Centro de Cultura Franco Amapaense
Organizado por: Antônio Brito

Nenhum comentário: