14 de dez de 2009

Atitude cidadã

A jornalista Sândala Barros, atualmente no Sebrae, fez o que todo mundo deveria fazer. Ao constatar que a obra de recuperação do canteiro central da av. Feliciano Coelho em Macapá está prejudicando as árvores do local, comunicou à Promotoria do Meio Ambiente. As árvores estão sendo "estranguladas" pelo calçamento. Acionado, o Ministério Público tomou providências conforme documento abaixo:
"A Sua Excelência o Senhor
DAVI SAMUEL ALCOLUMBRE TOBELÉM
Secretário Municipal Obras (SEMOB/PMM)

NESTA

Ref. Canteiros centrais Avenida Feliciano Coelho

Senhor Secretário,

Considerando o grande número de reclamações recebidas nesta Promotoria de Justiça a respeito de possível comprometimento da arborização e paisagismo urbano por ocasião da recuperação de canteiros centrais da Avenida Feliciano Coelho (da Rua Tiradentes até a Hildemar Maia), sirvo-me do presente para solicitar que encaminhe cópias de projeto e/ou pareceres técnicos que fundamentem os serviços tais como estão sendo realizados no prazo de 15 (quinze) dias.

RECOMENDAMOS, desde logo, a adoção das medidas preventivas e corretivas que garantam as condições vitais para sobrevivência e desenvolvimento de espécies vegetais plantadas atualmente, que venham a ser plantadas ou as que venham a ser substituídas no trecho supracitado.

Atenciosamente,

Haroldo José de Arruda Franco
Promotor de Justiça"

Um comentário:

Asdruite disse...

Parabéns ! Quando os bons se omitem, deixam caminhos para os vandalos.